A história de uma emissora de ondas médias que foi construída para ser destruída

25 06 2017

Adrian M. Peterson

No meio do século passado os Estados Unidos desenvolveram capacidade nuclear e bombas foram lançadas em território norte americano, Japão e no Pacífico. No início de 1955, uma pequena cidade foi construída perto do município de Mercury, no estado de Nevada, especificamente para uma série de explosões de teste.

Essa pequena cidade artificial foi batizada como Survival Town, e construída especificamente para que pudesse ser destruída com a explosão de uma bomba atômica. Ela tinha dez casas mobiliadas, mercados, linhas de transmissão de energia e postos de combustível.

Além disso, havia uma emissora de rádio instalada em um bunker, com uma janela fechada de frente à área de explosão. A emissora de ondas médias era licenciada pela FCC com o indicativo experimental KO2XDN.

A emissora KO2XDN irradiava 250 watts em 1240 kHz com duas torres; uma estaiada e a outra auto portante. A programação vinha de uma fita sem fim e era simplesmente uma mensagem gravada informando o propósito da emissora, assim como alguns detalhes técnicos. Começou a transmitir em 26 de Abril de 1955 e foi ao ar algumas horas antes do anoitecer que antecedeu a explosão atômica.

A primeira explosão, programada para o dia 29 de Março falhou. O segundo teste do projeto foi bem sucedido e ocorreu dez segundos após o meio dia de 5 de Maio de 1955.

Na hora da explosão, a emissora KO2XDN foi silenciada, a torre auto portante destruída e a estaiada dobrada na parte superior. Outras construções e estruturas também foram danificadas ou destruídas devido a força emitida pela explosão da bomba atômica. Alguns dos equipamentos eletrônicos da emissora foram tirados do lugar.

A emissora foi programada para voltar ao ar três minutos após a explosão, mas continuou em silêncio. Verificações posteriores revelaram que o cabeamento de energia que ia até ela foi rompido com a explosão.

No dia seguinte, quando o cabeamento foi reconectado e os equipamentos eletrônicos colocados novamente no local correto a emissora voltou ao ar para sua transmissão final. Então ela foi desmontada e removida.

E quanto a cartões QSL? Curiosamente, vários Dexistas receberam confirmações dessa curiosa emissora. Cartas com detalhes completos e sobre os eventos associados foram preparadas e enviadas para cada informe recebido. As cartas QSL foram enviadas de Battle Creek, Michigan, e sabe-se que ao menos seis ouvintes tiveram a sorte de receber uma lembrança permanente desse tipo incomum de escuta.

Artigo traduzido mediante autorização. A publicação em qualquer outro meio é expressamente proibida.

Você já conhece o canal Regional DX no Youtube? Vídeos novos publicados nos dias pares do mês. Não deixe de se inscrever, curtir os vídeos, comentar e compartilhar o conteúdo. Visite em youtube.com/regionaldx

 

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: