A primeira estação retransmissora da BBC em Cingapura

19 04 2015

Adrian M. Peterson

A estação retransmissora da BBC no Extremo Oriente em Cingapura tem origem no distante ano de 1937. Em 1 de Março daquele ano um novo estúdio e transmissor foram inaugurados na Thomson Road, no subúrbio da Cidade de Cingapura.

Essa estação tinha cinco transmissores: quatro com baixa potência para ondas curtas (500 W) e um de ondas médias (2 kW) que foi anteriormente usado na frequência de 1333 kHz a partir de um prédio do governo local. Os sinco transmissores instalados em Caldecott Hill eram os seguintes:

4 transmissores – ½ kW OC – indicativos ZHO ZHP ZHN
1 Transmissor – 2 kW OM – 1333 kHz – indicativo ZHL

A maior parte da programação era produzida localmente no estúdio recém-inaugurado. Havia também inserção ao vivo em ondas curtas de conteúdos da BBC por meio de dois transmissores de 80 kW em Daventry (unidades 4 e 5) na programação da Radio Malaia Cingapura. A intenção é de que essa estação operasse de forma temporária até que um outro centro transmissor fosse construído em Jurong, na costa sul do país.

Na época em as autoridades coloniais em Cingapura planejavam a instalação dessa estação, a BBC igualmente tinha planos de instalar um retransmissor neste país, o primeira no exterior. Então, com a pressão da guerra iminente na Europa, a BBC decidiu buscar a aquisição da referida estação.

Após o início da guerra na Europa, um transmissor Marconi de 100 kW foi despachado de navio à Cingapura. Entretanto, tal embarcação foi torpedeada e afundada, sendo a carga perdida.

Para substituição a BBC adquiriu um transmissor de ondas curtas de 50 kW da RCA que foi despachado à Cingapura para instalação em Jurong. Um sistema simples de antena já estava pronto.

Antes do trabalho ser completado o transmissor foi removido às pressas devido à guerra no Pacífico. Ele foi enviado a Barbados, no Caribe, e instalado na estação da Cable and Wireless em Bearded Hall, sob indicativo VPO.

As instalações de Caldecott Hill foram assumidas pelos japoneses e reativada como Shonan Radio; sua primeira transmissão ocorreu em 27 de Março de 1942. Os japoneses também construíram uma nova estação transmissora em em uma propriedade vizinha a de Jurong, com quatro transmissores de 7½ kW cada.

Três desses transmissores eram novos e o quarto veio da Ilha Penang onde foi usado anteriormente pelos britânicos com o indicativo ZHJ. A transmissão final como Shonan Radio ocorreu três anos depois, em 3 de fevereiro de 1945.

Logo em seguida o estúdio em Caldecott Hill e dois transmissores em Jurong voltaram ao controle britânico. O centro transmissor original da Radio Malaya foi desenvolvido para uso pela Real Força Aérea, sendo que os equipamentos japoneses passaram a ser usados por quatro outras organizações:

C&W – Cable & Wireless

BMA – British Military Administration

SEAC – South East Asia Command Singapore

BFEBS – British Far East Broadcasting Service

Embora todas as quatro organizações usassem as mesmas instalações, tanto a BMA como SEAC e BFEBS emitiram seus próprios cartões QSL. Inicialmente, o estoque de cartões deixado no período pré-guerra da Radio Malaya com uma imagem do nascer do Sol também foi utilizado.

Em 30 de junho de 1946, os serviços da SEAC encerraram; a BMA tornou-se Radio Malaya e a BFEBS retransmissor da BBC de conteúdos previamente gravados. A identificação dos retransmissores da BBC era “Voz Britânica”.

Em Janeiro de 1946 começaram os trabalhos de instalação de quatro transmissores Marconi para ondas curtas com 10 kW Modelo SWB11. Eles vieram da Índia, e é provável que tratam-se de unidades não mais usadas pelos britânicos em Delhi.

A primeira unidade foi ativada em 19 de Janeiro de 1946 e a segunda em 4 de Fevereiro. Todas as quatro estavam em operação em meados de Novembro do ano seguinte. A BBC assumiu oficialmente a estação de Jurong em 8 de Agosto de 1948. Neste período, três dos transmissores operavam com apenas 7½ kW e um com 5½ kW.

De forma aumentar a cobertura da estação de Jurong, a BBC anunciou planos de instalar um transmissor Marconi com 100 kW nesta localidade. Entretanto, devido a construção de um aeroporto internacional na região o projeto foi cancelado; as torres passariam a ser um obstáculo aos aviões.

A BBC então começou a buscar outra localidade viável, que foi finalmente encontrada no extremo sul do país, tendo então começado o trabalho de instalação em uma área utilizada para plantação de seringais.

Em abril de 1949, a BBC fechou o centro transmissor de Jurong e o Serviço para o Extremo Oriente foi transferido temporariamente para a estação de ondas curtas da SEAC em Ekala, ao norte de Colombo, no Sri Lanka.

Cartões QSL confirmando as transmissões da Estação Retransmissora da BBC no Extremo Oriente refletem as mudanças ocorridas na época. Inicialmente os cartões QSL da BFEBS confirmavam claramente a captação da estação. Após a BBC assumir  os informes recebiam agradecimentos, mas com a informação de que não podiam mais confirmar oficialmente os informes de recepção dos ouvintes.

Segue um sumário do início da história da BBC em Cingapura:

1937-1942 – Radio Malaya – Caldecott Hill – 4 x ½ kW – retransmissão de programas

1937-1939 – BBC – Jurong – 1 x 100 kW – estação de ondas curtas projetada

1945 – 1947 – BFEBS – Jurong – 4 x 7½  kW- ex-estação japonesa

1945-1949 – BBC – Jurong – 1 x 100 kW – estação de ondas curtas projetada

1948-1949 – BBC – Jurong – 4 x 7½ kW – estação retransmissora oficial da BBC

Em um próximo artigo será abordado o uso temporário da estação de ondas curtas da SEAC em Sri Lanka pela BBC.

Artigo traduzido mediante autorização do autor. A publicação em qualquer outro meio é expressamente proibida.

Anúncios

Ações

Information

4 responses

19 04 2015
assisnascimento55

A rádio Suécia ainda transmite para américa latina. Informe por favor. Obrigado.

20 04 2015
Ivan

Assis,

Infelizmente a Rádio Suécia abandonou as ondas curtas há vários anos.

73!

20 04 2015
assisnascimento55assis

Que pena!
IVAN, você sabia que a Noruega será o primeiro país a desligar as emissoras em fm. Já pensou?
RIO— A Noruega será o primeiro país do mundo a desligar a frequência de rádio FM. O governo norueguês anunciou, por meio de um comunicado, que irá interromper a transmissão FM a partir de 2017. A tecnologia Digital Audio Broadcasting (DAB) ocupará o lugar do modelo antigo e, segundo o governo, trará mais qualidade de som aos ouvintes.

“Os ouvintes terão acesso a conteúdo de rádio mais diversificada e pluralista e poderão desfrutar de melhor qualidade de som e novas funcionalidades”, afirmou a ministro da cultura, Thorhild Widvey.

De acordo com a ministra, existem hoje na Noruega cinco canais de FM, enquanto 22 canais de transmissão digital já estão no ar. Segundo ela, mais da metade da população já tem acesso às rádios por meio da tecnologia DAB e a conversão total para a nova tecnologia irá gerar uma economia de US$25 milhões aos cofres do país.

“O custo da transmissão através da rede FM é oito vezes maior que da transmissão por DAB”, concluiu a ministra.

Outros países da Europa também estudam acabar com a transmissão FM, mas, até o momento, nenhuma nação estabeleceu prazo para migrar para outro tipo de tecnologia

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/sociedade/midia/noruega-sera-primeiro-pais-do-mundo-tirar-radio-fm-do-ar-15930065#ixzz3XsBJIt4j
© 1996 – 2015. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
Amigo, como vai ficar isso. Um golpe. Comente sobre o assunto

28 04 2015
Ivan

Assis,

A situação não é exatamente essa. O abandono da faixa não será completo e alguns meios de comunicação, desinformados, ajudaram a passar adiante um conteúdo equivocado.

De qualquer maneira creio que nossa geração terá mais que o suficiente para se divertir com o éter.

73!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: