Memórias de Fiji

8 01 2011

Bill Sparks

O artigo abaixo foi originalmente publicado há alguns anos atrás no boletim FRENDX, atual “The Journal of the North American Shortwave Association”. Ele foi publicado com permissão do NASWA.

Quando John sugeriu que eu poderia fazer um artigo baseado em minhas memórias da emissora de Fiji SWBC estava certo de que ele estava pensando na Fiji Broadcasting Commission, emissora que transmitia na faixa de 90 metros até meados dos anos 70. De fato haviam transmissões em ondas curtas desde as Ilhas Fiji durante as manhãs antes da Segunda Guerra Mundial.

Meus primeiros registros de escutas de Fiji vieram em 1936, quando a Amalgamated Wireless Australasia Ltd., mais popularmente conhecida como AWA tinha três transmissores de ondas curtas desde Suva. Esta foi a empresa que operou as famosas e pioneiras emissoras da Austrália VK2ME, VX3ME e VK6ME.

A emissora de Suva era conhecida como VPD, e transmitia em várias freqüências que nós consideraríamos agora como na faixa internacional de radiodifusão de 31 metros. Devido às transmissões serem feitas em faixas de alta freqüência a recepção na costa oeste da América do Norte era muito boa. As emissoras da AWA eram excelentes pagadoras, com cartões QSL muito artísticos. Ainda tenho como tesouro os cartões da VPD e VPD2 que incluem fotos cênicas das ilhas em sua parte frontal.

Não sei quando as emissoras da AWA cessaram suas transmissões em ondas curtas, pois ingressei no serviço militar em 1941 e minhas atividades como Dexista foram interrompidas por cerca de vinte anos. Quando retornei ao Dexismo em Janeiro de 1962, a Fiji Broadcasting Commision tinha assumido as emissoras da AWA. O ano de 1962 foi uma excelente época para voltar a praticar o Dexismo de Fiji. Em meados daquele ano a F.B.C. instalou dois novos transmissores de 10 kW e começou a transmitir seus programas de fim de tarde das 0400 às 10:30 GMT na faixa de 60 metros. Dois programas de dois serviços separados eram levados ao ar nas ondas curtas. O serviço em idioma Inglês apresentava notícias e comentários acompanhados de música popular e clássica. O outro serviço era na língua nativa de Fiji combinado com um programa em Hindi para benefício da grande população Hindu naquelas ilhas.

Meu primeiro registro de escuta na faixa de 60 metros foi da VIM5 em 5 de Abril de 1962 em 4755 kHz. Era do serviço em Inglês. Logo após este consegui algumas captações do serviço em Hindi em 4785 kHz. Estas freqüências na faixa de 60 metros permitiam uma recepção bastante fidedigna por volta das 0630 GMT. Por razões que desconheço, a F.B.C. decidiu migrar suas transmissões noturnas para a faixa dos 90 metros. Em Dezembro de 1962 meus registros de Fiji foram nas freqüências dos 90 metros, onde a F.B.C. continuou a transmitir até o triste dia em alguma data depois de 1971 em que a decisão de deixar de transmitir em ondas curtas foi executada por completo. Em Dezembro obtive uma escuta do serviço em Inglês, VRH, em 3230 kHz com a retransmissão do serviço de notícias da BBC às 0700. O serviço em Inglês permaneceu nesta freqüência até que a F.B.C. deixasse as ondas curtas. Em agosto de 1963 consegui ouvir o serviço em Hindi, VRH9, em 3346 kHz.

Em Março de 1964 consegui escutar uma transmissão em caráter de teste na freqüência de 3284 kHz, que mais tarde seria a freqüência da emissora VRH9 e do serviço Fiji-Hindi. Após isso obtive várias escutas ano após ano, normalmente em torno de 0700 e 0830. Contudo, a recepção nos 90 metros era variavelmente possível devido ao QRM em CW por conta da presença de uma emissora utilitária na região dos 3285 causando constante QRM.

O horário das 0700 era sempre bom para ouvir Fiji porque ambos os serviços normalmente levavam ao ar a identificação completa em Inglês. Então havia uma retransmissão do serviço de notícias da BBC seguido por transmissões esportivas locais seguidas por notícias regionais em Inglês nos 3230 kHz. Os programas de música local mais interessantes estavam no serviço Fiji-Hindi. A F.B.C. era boa pagadora e tinha um interessante cartão QSL caracterizado pelo desenho colorido de um shack no meio da selva com uma antena L invertido sustentada por dois coqueiros. As Ilhas do Pacífico sempre foram um dos meus principais alvos DX devido ao tempo em que estive inativo durante a guerra. Acho que alguns de nossos membros, incluindo Al Sizer, possuem uma razão semelhante para passarem seu tempo praticando o Dexismo voltado às Ilhas do Pacífico. Certamente foi um dia triste quando tomei conhecimento que a F.B.C. tinha transferido todas suas transmissões para as ondas médias e FM.

Antes de encerrar o assunto devo mencionar que ainda existe a remota possibilidade de escutar Fiji nas ondas curtas caso ocorra um evento de especial importância tendo como sede esta nação no futuro. Ocorrido em 1963, os Jogos do Pacífico Sul (uma espécie de Jogos Olímpicos das Ilhas do Pacífico) teve como sede as Ilhas Fiji. A F.B.C. transmitiu estes jogos para toda a área do Pacífico na faixa dos 31 metros com o indicativo VRH10 em 9715 kHz. A recepção em São Francisco foi naturalmente excelente. já que o transmissor de 10 kW foi utilizado. A transmissão durou vários dias. Esta foi a única oportunidade que tive para ouvir a F.B.C. transmitir em uma faixa internacional de radiodifusão novamente. Existe uma remota possibilidade que isso ocorra novamente no futuro, portanto vale a pena lembrar disso.

Artigo disponibilizado no site do Dexista Don Moore e traduzido mediante autorização. A publicação em qualquer outro meio é expressamente proibida.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: